terça-feira, 16 de abril de 2013

FREE NANO e FREE NANO MENTA

Teores:

ALCATRÃO - 4.0
NICOTINA - 0.4
MONÓXIDO - 3.0

Olá, amigos! Quero, em primeiro lugar, desculpar-me pela demora nas postagens! Em segundo lugar, quero agradecer a todos pelas visitas e pelos comentários! Hoje batemos as 40.000 visualizações, e estou muito feliz com essa marca! Em terceiro lugar, vamos ao que interessa: Free Nano e Free Nano Menta, a versões nano da marca. Decidi postar os dois juntos por serem praticamente idênticos, tendo apenas o sabor e algumas poucas características nas embalagens de diferença. Por falar nas embalagens, preciso dizer: que lindas! Ambas pretas; no Free Nano, o box é todo preto e há o nome Free na vertical em prata, lido de baixo para cima; no Free Nano Menta, o box é preto também, com o nome Free na vertical na cor verde, também lido de baixo para cima, e também algumas bolhas desenhadas, as quais fazem alusão a sei lá o quê.   O design nos cigarros também são criativos e muito bem feitos. Os dois filtros são de cor preta, e isso os torna muito mais atraentes e requintados. No Free Nano, há uma faixa prateada e o nome Free na mesma cor. No Free Nano Menta, a faixa prateada divide a parte preta do filtro (a maior) de uma outra parte verde, na qual há o nome Free na cor branca. Tudo muito sofisticado! 

Vamos aos detalhes sobre as tragadas:

Free Nano - possui uma tragada tostada e suave que é uma delícia! Muito bom! É mais amargo do que doce, porém esse amargo é excepcional! Excelente! Para teores tão baixos, o volume da fumaça é bastante satisfatório, e agrada. O sabor lembra um pouco os Dunhills Nanocut, porém menos encorpado. Não há muito o que se dizer sobre esse cigarro; elegante, saboroso, agradável e muito bem produzido. A marca Free me surpreendeu com esse aqui! Perfeito para pessoas que apreciam cigarros suaves, porém com sabor marcante e de qualidade. 

Free Nano Menta - bem leve e harmonioso, agrada também logo na primeira tragada. O sabor da menta é muito bom, e algo nele me lembrou chocolate. Muito mais adocicado do que amargo; na verdade, não pude perceber nenhum sinal de sabor amargo. A fumaça também satisfaz, porém fica mais encorpada do meio do cigarro para o final dele. O mesmo acontece com as tragadas, que ficam mais fortes quando o cigarro chega à metade. Ao se soltar a fumaça pelas narinas, a mistura da menta com o aparente sabor de chocolate fica mais intensa, e isso é bom demais! Ótimo cigarro para pessoas que apreciam cigarros mentolados e bem suaves. Muito melhor que o Free iSwitch (medíocre) e que o Free iBoost (bom, mas nada especial).

Confesso que havia me decepcionado com a marca Free depois de experimentar os mentolados dele, mas as versões nano me surpreenderam de uma maneira muito positiva, e não apresentam nenhuma característica que me fizesse tirar qualquer mérito deles. As notas dos dois, portanto, são essas abaixo, sem dúvida nenhuma:

NOTAS:
FREE NANO - 10.0
FREE NANO MENTA - 10.0 






5 comentários:

  1. Eu não os considero tão iguais. Que nem você mesmo descreveu, o nano é amargo, já o nano menta é menos amargo e mais doce.

    O Nano eu não gostei. Me enjoa. Acho que com esse blog estou descobrindo que não gosto de cigarros muito amargos.

    Já o Menta realmente é mais gostoso!

    ResponderExcluir
  2. Não acho em nenhum lugar o nano e nem o menta.
    Sou do interior de São Paulo.

    ResponderExcluir
  3. Sou de São Paulo capital! Não acho esse cigarro aqui tbm. Só tem o Free Iboost menta

    ResponderExcluir
  4. After doing some online research, I've ordered my first electronic cigarette kit on VistaVapors.

    ResponderExcluir